Ilha italiana resolve fuga de conduta subterrânea com a Xylem

Ilha italiana resolve fuga de conduta subterrânea com a Xylem

O popular destino turístico de Ischia, uma ilha ao largo da costa de Nápoles, em Itália, depende das condutas para o continente para a sua água potável. Contudo, uma fuga numa conduta causava uma perda de água que totalizava um terço do abastecimento diário da ilha. Saiba como as inovadoras ferramentas de inspeção de condutas – Sahara® e SmartBall® – ajudaram a resolver o problema.
 
O envelhecimento das infraestruturas de água, que podem levar a fugas e perda de receitas, é um dos principais desafios relativos à água que Itália enfrenta. De acordo com a Utilitalia, em média 38% da água é perdida nas redes de distribuição do país. Ao reduzir essas perdas, os serviços de abastecimento de Itália podem diminuir os custos e o consumo energético para assegurar um abastecimento de água mais sustentável.
 
A Xylem ajudou recentemente o serviço de águas Acquedotto Campano a resolver um problema comum com infraestruturas envelhecidas – fugas de condutas que são difíceis de localizar. A Acquedotto Campano fornece água potável a mais de 70 municípios da região italiana de Campania, incluindo duas ilhas ao largo da costa sudoeste de Nápoles. Para fornecer água às ilhas, o serviço de abastecimento depende de quatro condutas subterrâneas, construídas no início dos anos 1950.

O serviço de abastecimento sabia que tinha um problema quando mediu uma perda de água significativa ao longo das condutas, totalizando 50 litros de água por segundo a vazar para o mar.

As condutas fornecem a principal fonte de abastecimento de água para as ilhas de Procida e Ischia, assim como para os muitos turistas que as visitam no verão, pelas suas praias, fontes termais e locais turísticos como o Castelo Aragonese.

Descobrir uma fuga de conduta de grandes dimensões entre Procida e Ischia

O abastecimento de água para as ilhas é fornecido desde Nápoles, com duas condutas de aço que fornecem água a Procida, e depois outras duas condutas de aço que transportam água até Ischia. Todas as quatro condutas possuem 300 milímetros de diâmetro. 
 
A Acquedotto Campano reuniu mais de 20 anos de dados de fluxo, registando a quantidade de água produzida e fornecida aos utilizadores. Os fluxos de água de Procida para Ischia a uma taxa de 260 litros por segundo, portanto, perdendo 50 litros por segundo, eram um grande problema.
 
Apesar da taxa de perda, localizar a fuga mostrou ser um desafio. A Acquedotto Campano tentou usar os tradicionais correlacionadores acústicos. Mergulhadores também inspecionaram visualmente as condutas submarinas, que atingem profundidades de 30 metros em alguns locais. Ambos os métodos falharam na localização da fonte de perda de água.
 
O serviço de abastecimento de água precisava de descobrir a localização exata das fugas, uma vez que a única forma de as reparar seria usar mergulhadores experientes. E estes precisavam de fazer as reparações rapidamente, visto que a água que fornecem é essencial para a vida quotidiana das ilhas.

Implementar ferramentas inovadoras de inspeção de condutas 

Trabalhando com a Ena Sud srl, uma empresa de consultadoria italiana especializada em redes de distribuição de água, a Xylem implementou duas ferramentas inovadoras de inspeção de condutas – Sahara e SmartBall. Ambas as plataformas são ferramentas acústicas e em linha que conseguem identificar fugas e bolsas de ar sem interromper o serviço.
 
“Condutas e equipamentos com fugas, devido a rebentamentos ou quebras, são a principal causa de perda de água,” afirma Dario Longobardi, Proprietário, Ena Sud srl, Itália.

“Quando ocorre uma fuga, pode demorar dias, semanas ou até mesmo meses até esta ser comunicada. Para além disso, localizar a área exata de uma fuga numa rede gigantesca e de grande alcance não é uma tarefa fácil. Só quando uma perda se torna visível é que, geralmente, reagimos.”

As inspeções de condutas da Xylem ocorreram entre novembro de 2019 e fevereiro de 2020. A equipa esperava encontrar mais do que uma fuga significativa nas condutas de 2,7 quilómetros de Procida-Ischia. A Sahara foi usada nessas condutas, enquanto que a SmartBall foi usada nas condutas de Nápoles-Procida.



O sistema de aqueduto permitiu que a plataforma Sahara fosse inserida de ambos os lados das condutas de Procida-Ischia, uma situação ideal para a inspeção. A plataforma Sahara movimenta-se com o fluxo da água, mas pelo facto de ser fixa, os operadores podem revertê-la para confirmar a presença e localização das fugas suspeitas em tempo real. A equipa também avaliou visualmente o interior das condutas com a câmara de vídeo em tempo real da Sahara.
 
A plataforma SmartBall foi uma opção ideal para inspecionar as condutas de 2,5 quilómetros que se estendem de Nápoles a Procida. Enquanto ferramenta acústica de natação livre, a plataforma SmartBall é excelente para abranger longas distâncias de inspeção numa única implementação.

Vedar fugas, poupar água e energia

A Plataforma Sahara localizou um rebentamento numa das condutas subterrâneas entre Procida e Ischia. A Ena Sud rapidamente disponibilizou mergulhadores para resolver a fuga. Com esta reparação, a Acquedotto Campano reduziu a perda de água sem receitas em 50 litros por segundo – o suficiente para fornecer um abastecimento diário de água a um terço dos residentes de Ischia.
 
Ao localizar e reparar a fuga, a empresa pode agora fornecer um serviço fiável durante a movimentada época turística no verão, quando a população da ilha aumenta para mais do triplo. Reduzir a perda de água também diminui a necessidade energética da Acquedotto Campano e beneficia os seus resultados finais.

A plataforma SmartBall também pode mapear as redes de condutas. Na ilha de Ischia, a equipa inspecionou cerca de 500 metros de uma ligação de água de 250 milímetros. O seu objetivo era detetar fugas e confirmar a posição da conduta para informar futuros trabalhos de manutenção.
 
“Investir antecipadamente num programa orientado de deteção de fugas que envolve inspecionar, recolher e agir sobre os dados da avaliação é essencial para uma gestão eficiente,” afirma Longobardi. “Este foi o maior ensinamento que a Xylem nos deu, para além da tecnologia para resolver o problema de forma atempada.” 
 
Saiba mais sobre os Xserviços de avaliação de condutaylem’s pipeline assessment servicesda Xylem.
 
Solicitar informação