Como ler a curva de desempenho de uma bomba?

Como ler a curva de desempenho de uma bomba?

Para ajudar as pessoas a entenderem como ler a curva de desempenho de uma bomba, a Xylem elaborou um breve artigo que explica os princípios básicos. A Impeller conversou recentemente com Larry Konopacz, gerente de treinamento e formação da Bell & Gossett Little Red Schoolhouse de Morton Grove, Illinois, para saber mais sobre o artigo e por que esse conhecimento é importante.

“Saber como ler a curva de uma bomba é fundamental para selecionar a bomba certa”, afirma Konopacz. “Com a bomba certa, você pode maximizar a eficiência da bomba e do sistema, e contribuir para ampliar a vida de operação em geral”.

Konopacz afirma que esse artigo é ideal para usuários finais, técnicos de assistência ou novos consultores que desejem saber mais sobre seu sistema de bombeamento.

O treinamento sobre as curvas das bombas faz parte do programa de treinamento da Bell & Gossett Little Red Schoolhouse. O centro de ensino Little Red Schoolhouse já treinou mais de 60.000 engenheiros, prestadores de serviço e instaladores em instalação e manutenção de sistemas de água e vapor.

Evitando erros na leitura das curvas de bombas

“Nossos seminários muitas vezes incluem uma sessão sobre como ler a curva de desempenho de uma bomba, já que se trata de uma parte fundamental da operação bem-sucedida do sistema”, comenta Konopacz. “Um erro que as pessoas podem cometer ao ler a curva de uma bomba é a determinação da altura manométrica, que é uma questão que abordamos no artigo. Também a potência pode ser um pouco enganadora ou confusa, pois a potência na curva baseia-se na água, cuja gravidade específica é 1. Porém, se o fluido tiver uma gravidade específica diferente, isso afetará os requisitos da potência”.

Há diferentes curvas de desempenho para cada desenho, velocidade (RPM) e diâmetro do impulsor da bomba. Ao compreender todas as informações fornecidas por uma curva de desempenho, o usuário pode tomar decisões inteligentes sobre o tipo de bomba, tamanho, RPM, potência e eficiências que serão necessários para o sistema. O novo artigo faz parte de uma série, que incluirá uma seção no futuro sobre a seleção de bombas.

“As curvas de bombas são criadas com base nos testes reais de desempenho, de acordo com normas internacionais”, diz Konopacz. “É importante que todos sigam as mesmas normas, mesmo com diferentes fabricantes, para que as pessoas possam comparar maçãs com maçãs”.

A Bell & Gossett Little Red Schoolhouse também elaborou vários manuais de treinamento sobre temas variados. Eles podem ser encontrados aqui:

http://bellgossett.com/training-education/training-manuals

A Bell & Gossett Little Red Schoolhouse também oferece cursos on-line gratuitos. Em janeiro, foram lançados quatro novos módulos sobre economia em zonas litorâneas e ribeirinhas na feira comercial American HVAC. Leia mais sobre os cursos on-line aqui.

 

por Simon